Email urgente

Os Guardiões da Amazônia precisam da sua ajuda!

Guardião da Amazônia no nordeste da Amazônia brasileira

Guardião da Amazônia no nordeste da Amazônia brasileira
© Survival

Os Guardiões da Amazônia são um grupo de indígenas extremamente corajosos e inspiradores da Amazônia brasileira que estão colocando suas vidas em risco para proteger a floresta amazônica da destruição. Eles enviaram este apelo a você de seu lar florestal:


Caros amigos,

Estamos enviando estas palavras a vocês hoje porque precisamos de apoio urgente. Nossa terra está sendo invadida, agora, neste momento. É uma emergência.

Nós patrulhamos a floresta, identificamos os madeireiros, destruímos seus acampamentos e os expulsamos. A gente já combateu muita invasão de madeireiros. Está funcionando.

Nós recebemos constantemente ameaças de morte da poderosa máfia madeireira. Cinco de nós já foram assassinados. Mas, nós continuamos, porque a floresta é nossa vida. Sem ela, todos nós estaríamos mortos.

Nossos irmãos isolados também vivem na floresta. Eles não sobrevivem se ela for destruída. Enquanto nós estivermos vivos, nós estamos lutando por todos nós aqui, pelos isolados, e pela natureza.

Por favor, nos ajude a proteger a floresta. Nós não vamos desistir.

Obrigado.
Guardiões


O trabalho incansável dos Guardiões da Amazônia precisa de financiamento e apoio. Eles precisam que o governo os apoie, e não feche os olhos enquanto eles arriscam suas vidas – mas seus apelos são ignorados.

Por favor, envie um email às autoridades brasileiras pressionando-as a ajudar os Guardiões a expulsar todos os invasores e levar os assassinos dos Guardiões à justiça.

Emails enviados:  Ajude-nos a alcançar 25,000!



para: Ministro André Mendonça e Ministro Ricardo Salles

email:[email protected][email protected][email protected]

CC email addresses: [email protected][email protected][email protected]

Excelentíssimo Senhores Ministros

Senhores Ministros,

Por favor, investiguem o assassinato do Guardião da Amazônia, Zezico Guajajara, e leve à justiça os assassinos que o mataram em 31 de março de 2020 e os que mataram seu companheiro, o Guardião Paulo Paulino Guajajara, em novembro de 2019.

Apoiem também os Guardiões Guajajara e seu inestimável trabalho para proteger a floresta da Terra Indígena Arariboia para os Guajajara e para seus vizinhos isolados Awá.

Os indígenas isolados são os povos mais vulneráveis do planeta. Sem esta floresta, os Awá serão dizimados.

Os Guardiões da Amazônia patrulham a área e avisam as autoridades sobre invasões. Suas expedições têm sucesso, mas eles precisam urgentemente do seu apoio.

Por favor, ajudem os Guardiões a expulsar os invasores e forneçam os recursos e equipamentos necessários, além de agentes governamentais para acompanhar suas patrulhas, o que eles precisam urgentemente.

Não há tempo a perder: a sobrevivência dos Awá de Arariboia depende disso.

Atenciosamente,